Obra Licenciada por Creative Commos

Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição.

Aqui trataremos de tudo aquilo que nos emociona.

A vida, em todas as suas formas e manifestações, nos leva a fortes emoções.

Espero poder traduzir, em versos e rimas, as expressões da vida com as quais eu tiver contato.



Luzia M.Cardoso
http://twitter.com/#!/luzia48

Direitos autorais registrados na FBN

quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Cigarras X Formigas



Cigarras X Formigas


Mote popular: 

"Com ódio das Formigas
As Cigarras resolveram
Eleger a inseticida!"



Era um bosque muito raro,
Com riquezas minerais,
E outras especiais.
Quando tudo ficou caro,
A sensação de desamparo
Logo, logo, se espalhou,
Lá, o ódio germinou.
Antes, viventes felizes,
Se investiram de juízes
E tudo se desgovernou.

A formiga virou bode.
De tudo era a acusada,
Odiada, condenada.
Recebeu tanto sacode,
Ouvindo que’aquilo pode.
As Cigarras, em cantoria,
Criaram consultoria,
Se dispondo a orientar
O que tinha que mudar
Sob aplausos de euforia.

Procuraram um bom ator
Que dissesse seguir Deus,
Que pregasse armar os seus.
Violento, ditador,
Indiferente à dor.
Havia, entre os entes,
Um domador de mentes
Que foi logo apoiado,
Em salvador transformado,
Apesar dos precedentes.

Foi, assim, que as Cigarras
Tendo raiva de Formigas,
Viram suas inimigas.
Infladas de muita marra,
Com violência, algazarra,
Formaram uma torcida,
Violenta, fratricida
E se deram a apoiar
Para o bosque governar
Uma forte inseticida.

Luzia M. Cardoso

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Repente do Desafio


Um eleitor do BNão entrou em uma postagem minha, no FACEBOOK e, em poesia de cordel, dizia que BNão dispensava os votos de quem votou em Haddad. Então, eu o respondi assim:


Repente do Desafio


Um eleitor matreiro,
Daquele tal candidato
Com décadas de mandato,
Adentrou em meu terreiro
De um jeito sorrateiro.
E, na oportunidade,
Deu-se a falar de Hadad,
Dos votos que ele tem,
Dos eleitores também.
Descuidou-se da humildade.

Era cabra de talento.
Parecia iludido
Ou não teria aprendido
Que desprezo traz tormento
E o próprio desalento
Há que ter maturidade.
É bom passar da metade,
Prevenindo frustrações.
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !

O meu voto prega o bem;
Valoriza a mulher
Com respeito, onde estiver
Incentivando ir além
Sem ter que dizer “amém”
Para machos da cidade.
Com escolhas de verdade,
Livre de perseguições.
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !

Não pregamos extermínio;
Não criamos desavenças;
Respeitamos diferenças.
Sem armas, sem patrocínio,
Sem ódio e sem fascínio,
Proclamando a verdade,
Com muita serenidade,
Ganharemos corações.
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !

Basta de homofobia,
Racismo, iniquidade.
Promovemos igualdade
Num caminho de alegria
Sem ódio, sem covardia,
Sem ato de crueldade,
Truculência, insanidade.
Vencendo corporações,
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !


Nós iremos revogar
Um ato d’insanidade:
A tal PEC da maldade
E o SUS financiar
Pra poder assegurar
A universalidade
E a integralidade
Em todas as regiões.
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !

Economia a girar
Retomando obras paradas
De casas e de estradas.
Com condições pra morar
E também pra transitar
Pelas ruas da cidade.
Segurança e liberdade
A todas as gerações
Estreitando relações,
Elegeremos #Haddad !

Luzia M. Cardoso

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

#eleNao

Imagem retirada do  Movimento #MulheresUnidasContraBolsonaro



#eleNão


Eu voto no quebra-queixo 
Voto em pedaço de sabão 
Em roda fora do eixo 
Voto em todo e qualquer cão 
Voto em pedaço de trapo 
Até em esparadrapo 
Mas nele, não voto, não! 

Eu voto no papagaio 
Voto no escorpião 
Voto em cavalo baio 
Voto em velho e duro pão 
Voto em pulga e carrapato 
No nervoso e no pacato 
Mas nele, não voto, não! 

Voto em quem tem chulé 
Voto em short, em blusão 
Voto em bicho de pé 
Voto em pano de chão 
Voto em dente de leite 
Em vinagre e azeite 
Mas nele, não voto, não! 

Luzia M. Cardoso 

Cirandando com o cordel de quem assinou por “Eu😉 (Araripina-PE)”


quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Sementeiras



(Fonte da imagem: #MulheresUnidasContraBolsonaro)


SEMENTEIRAS


#SomosMaisDeTrêsMilhões.
Mulheres contra o fascismo,
O preconceito, o racismo
O ódio e seus grilhões!
Vêm dos nossos corações
O amor, a ousadia,
Qu’horizonte irradia!
Das entranhas da Nação,
Ecoando #eleNão,
Vem à luz um Novo Dia!

Luzia M. Cardoso

#MulheresUnidasContraOFascismo
#eleNunca

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Domingo de Quinta


Fonte da foto: https://www.galeriadometeorito.com/2018/09/tragedia-incendio-destroi-museu.html

Arquivo do blog